Carregando

Aulas de conversação em inglês estimulam vocabulário e ampliam o conhecimento


15 de março de 2019

Sem apostila e provas, jovens e adultos aprendem o idioma falando

O inglês é um dos idiomas mais falados no mundo. Quem domina a língua pode ter benefícios pessoais e profissionais. Atualmente o inglês é um requisito, e não mais um diferencial, é considerado uma porta para interagir com o mundo.

Em Ponta Grossa, um grupo de alunos se reúne uma vez por semana para praticar a conversação em inglês. As aulas não possuem apostilas ou provas – o objetivo é conversar. Matheus Hamberland é professor do High Level Conversation do Colégio Sepam de Ponta Grossa e explica: “No processo ensino-aprendizagem o diálogo é parte fundamental. Dessa maneira há o debate e a argumentação, o aluno precisa construir o raciocínio e defendê-lo.” O curso, que oferece uma aula por semana, é aberto a jovens e adultos que possuam oralidade básica em inglês. Para cursar não é necessário ter vínculo com o Colégio. Não há limite de idade, atualmente o grupo conta com alunos entre 15 e 40 anos.

No programa,  não existem as obrigatoriedades de um curso comum de inglês, os alunos falam sobre assuntos que interessam a eles próprios, corrigem pronúncias de forma dinâmica e informal, tornando assim, o aprendizado mais leve e descontraído.  Esse é o caso de Giulia Karoline Carneiro Gomes, de 19 anos que participa do High Level há seis meses. Giulia já tinha um nível alto de inglês, porém, as aulas tornaram sua conversação menos mecânica e assim os diálogos fluem melhor. “Não é  como qualquer aula, com conteúdo no quadro e na apostila. É um grupo de discussão entre todos, onde o professor passa tópicos de conversa e vamos interagindo”, descreve a aluna.

O que mais chama atenção dos alunos durante as aulas é o choque cultural entre coisas cotidianas de americanos e brasileiros, conta Matheus. Norte-americano, que vive em Ponta Grossa há 8 anos, o professor compartilha com os alunos costumes, rotinas e a vivência em outro país. “A diferença entre as culturas gera um borbulho animado na sala e os alunos pedem até minutos extras de aula”, comemora.

Para André Luiz Fagundes Avila dos Santos, de 15 anos, o mais empolgante é poder explorar áreas e conversar sobre assuntos diversos.“ Na aula o foco não é aprender gramática, e sim aprimorar o vocabulário e o nível de conversação no inglês. Sem sombra de dúvidas eu indico as aulas para todos os meus amigos”, afirma.

Você está pronto para ser calouro?

SEPAM VESTIBULARES

EU ESTOU PRONTO

Notícias

Fique por dentro do Sepam!

Atividade ensina como amarrar os cadarços

14 de agosto de 2019

Prática estimula a coordenação motora fina das crianças

Na segunda-feira (12), os alunos do 1º e do 2º ano do Ensino Fundamental do período estendido do Colégio SEPAM realizaram uma...

SAIBA MAIS+

Alunos do 5º ano participam do projeto Soletrando

14 de agosto de 2019

Competição amplia o vocabulário e auxilia na escrita

Na última sexta-feira (09), aconteceu mais uma edição do Soletrando, projeto realizado...

SAIBA MAIS+

Sepam realiza 40° Jispam

13 de agosto de 2019

O Colégio Sepam realizou no sábado, 10, a abertura do 40° JISPAM – Jogos Interséries Professor Altair Mongruel, com a presença do criador da competição, Carlos Alberto de Oliveira. Carlos foi...

SAIBA MAIS+
Ver mais notícias

Fale conosco

Siga-nos nas redes sociais e fique por dentro do mundo Sepam